Winnie Harlow ilumina verão brasileiro

351

A canadense Winnie Harlow foi a modelo escolhida para mostrar a luz da linha Color Feelings, coleção deste verão da Colcci, anunciada ontem, quinta-feira 7. A cor laranja é o destaque das estampas porque “transmite vida, desejo de brilhar, praticidade e leveza ao mesmo tempo. É uma das cores mais energéticas dessa estação”, explica Adriana Zucco, diretora criativa da grife catarinense.

Nascida Chantelle Whitney Brown-Young, em 1994, Winnie Harlow é porta-voz da luta contra preconceito aos portadores de vitiligo, doença de pele que afeta 1% da população mundial, sendo Michael Jackson o caso mais famoso.  Grifes notáveis, como Victoria’s Angel e Diesel, passaram a abraçar a causa da canadense. Mas foi a espanhola Desigual a lhe dar o primeiro expressivo cachê após, em 2014, participar de um reality show para modelos em Nova York.

E agora, como também fez a Desigual, as estampas rimam com o corpo de Winnie Harlow na inédita Florescer, uma ilustração abstrata com a qual a Colcci celebra as mulheres iluminadas pelo sol poente.  O clássico linho serve de base na alfaiataria estampada com a cor laranja, presente também nos detalhes bordados com fundo em laise.  De amarelo são três tons utilizados em peças de tricoline e viscose.

Mas a grande novidade é a cor branca, que divide o estrelato com Winnie Harlow na coleção Color Feelings – “tom de branco mais arenoso que tem vocação para ser um neutro protagonista em qualquer produção”, segundo Adriana Zucco, que faz a estamparia passear por shorts, vestidos e peças de alfaiataria.

Moda-show, de Fortaleza para Niterói

O Dragão Fashion, ou DFB Festival, evento nascido em 1999 em Fortaleza-CE como palco de moda autoral, idealizado por Cláudio Silveira, cria frutos: em Niterói, ele promove o festival ID:Rio, também unindo moda, shows, formação e empreendedorismo. Vai acontecer de 15 a 17 de outubro, no Reserva Cultural, apresentado pela Enel e governo do Estado.

A programação, presencial e 100% gratuita, é voltada para profissionais de toda a cadeia produtiva da moda e áreas afins.

Em parceria com o Senac RJ, haverá palestras, mesas redondas e workshops. Na passarela, a produção do polo de Cabo Frio. Haverá também uma vitrine virtual (www.idriofestival.com.br), para facilitar o trânsito entre o mercado e micro e pequenos produtores.

Os shows do ID:Rio acontecem no palco que será montado numa megaestrutura, tendo por atração Felipe Roale, Luiza Reis, Blood Mary, Thalita Pertuzatti, O Zunido, Rodrigo Santos, Mira Callado, Hexotria e, no encerramento, Gabriel O Pensador.

A Editora Senac Rio vai oferecer dois ciclos de bate-papo com especialistas nas áreas de moda e gastronomia. O primeiro deles será dia 15, às 18h, com os organizadores do livro Cozinha de inovação: pesquisa e inovação na cozinha do Senac RJ: Osvaldo Gorski, Gisela Abrantes e Juliana Jucá. O segundo, dia 16, terá Paula Acioli, autora do livro A culpa é do Rio! A cidade que inventou a moda do Brasil.

Abraçam o evento também a Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro, Senac RJ, prefeitura de Niterói, Reserva Cultural, Melissa, Delfa, InovaOnze e Itabus. Será solicitada ao visitante comprovação de vacina contra a Covid.

Instagram: @idriofestival

Sustentabilidade e beleza                                                      

Localizado em frente ao Graciosa Country Club, a maior rede de salões próprios de Curitiba, o novo Expert Beauty Center mostra que é possível aliar conceito industrial com cuidados ambientais, instalando painéis fotovoltaicos, poço artesiano e dando preferência por ventilação natural, além de contar com um grafite do artista plástico curitibano Bruno Dhoar.

“Vivemos um momento de crise hídrica em todo o Brasil e mais do que nunca precisamos pensar em medidas alternativas, que possam ajudar toda a sociedade com respeito e cuidados com o meio ambiente”, diz Adir Hillani, que há 25 anos fundou a empresa curitibana com seu irmão José.