Vamos expulsar o COVID?

579

*por Claudia Queiroz

Você já parou para pensar no novo normal? Será q a sua visão de futuro tem combinado com as suas atitudes do presente? Mudanças começam pela gente. Acredite: você tem o direito e o poder de mudar o que não está funcionando. E isso vale para um trabalho, um relacionamento, uma rotina, um pensamento… Mas é preciso dar o primeiro passo.

Vamos então falar do COVID, que há mais 4 meses está por aqui e, ao que tudo indica, não tem hora pra acabar. A gente sabe que vai passar, mas pode tomar algumas medidas para passar mais rápido. Quer saber como, se já está usando máscara, álcool gel e respeitando o distanciamento social?

Pra gente, o novo normal começa quando a vida começar a voltar para os eixos. Estou falando de rotina na empresa, filhos na escola e tal.

No início da semana fiz o teste de PCR no DNA Lab, que é um laboratório de altíssima tecnologia. Deu negativo. O que quer dizer isso? Que não tenho o vírus ativo no meu corpo, ou seja, que não passarei para ninguém, porque não tenho coronavírus.

O teste é levemente desconfortável, porque tem um cotonete de alta absorção, chamado swab, que precisa ser colocado dentro da nossa narina para coleta da secreção da mucosa e isso às vezes faz os olhos lacrimejarem. Mas é só isso. Nada demais. Tem aquele palitinho para ver se a gente tem dor de garganta também, sabe? E aquela secreção também vai pra análise. Em até 24h o resultado sai.

Com o resultado em mãos, meu marido pôde visitar o pai dele, de 90 anos, q ele não via desde janeiro!!! Daí acendeu uma luz pra gente. Se testamos negativo e o vírus precisa de um tempo para ficar ativo, caso a gente, por algum descuidado se contamine, ganhamos com o PCR um prazo de 10 dias mais ou menos para ter acesso a lugares e a pessoas que sempre fizeram parte da nossa vida.

Claro que não estamos dizendo aqui pra você deixar de se cuidar, de usar a máscara, o álcool gel e tal. Mas imagine só quem faz esporte e quer voltar a treinar. Se a academia exigir o teste para entrarem naquele ambiente a vida começa ao normal. Isso vale para escolas, salões de beleza, comércio e etc.

O novo normal prevê que a gente aprenda a se cuidar e a cuidar do outro, com medidas de proteção e segurança. Isso não vai acabar.

Há pouco mais de 2 meses estou levando, junto com meu marido que faz palestras de desenvolvimento humano, diariamente a um programa de rádio chamado SUPERCONSCIÊNCIA, na 95 FM, assuntos que ajudam a construir um novo jeito de pensar, agir com mais coerência, consciência, onde a gente se cuida com autoconhecimento, faz melhores escolhas, se livra das dores do passado e ressignifica tudo isso. Combina essa nossa proposta com o legado que o COVID vem trazendo para o mundo todo. Respeito, empatia, bons pensamentos, reciprocidade, gratidão, perdão e segue a vida, com novo COVID ou qualquer outra crise que apareça no mundo. Porque com esse superintensivo a gente ficou maior e mais forte. É isso que queremos com o SUPERCONSCIÊNCIA.

Então não perca o brilho nos seus sonhos, continue se desafiando, planeje o dia com alegria e confiança, porque a gente já sabe que vai passar e que, logo logo aparece uma vacina pra abreviar o tempo do COVID no mundo.

E como primeiro passo para expulsarmos o coronavírus daqui, falo da região sul do brasil, que está começando a sofrer com as temperaturas mais baixas e causar as sensações de nariz entupido, dor de garganta e tal, imagine se deixarmos nossa imunidade baixar pelo medo, pela má alimentação, pelos maus pensamentos…

Transformações, às vezes, são movimentos incômodas. Não é incomum que a gente saiba o que tem que ser feito, mas não faz. Entender o porquê da nossa mente não agir de acordo com o nosso corpo é um passo importante em direção ao autoconhecimento interno.

Vamos quebrar de vez por todas essas resistências de pensar uma coisa e fazer outra. O mundo digital não permite mais que a gente não seja coerente com pensamentos, ações e sentimentos. O COVID trouxe uma gigante oportunidade para amadurecermos. E é isso que queremos pra você, para nós e para nossos filhos.

Conversei com o dono do laboratório DNALAB, consegui um desconto no PCR para quem quiser fazer lá ou chamar para a coleta em casa ou na empresa, dizendo que ouviu no programa SUPERCONSCIÊNCIA. É uma espécie de cupom de desconto que você ganha usando a palavra SUPER, uma corrente do bem.

Então cuide-se, ame-se e faça o teste. Porque se a maioria que pega esse vírus não tem sintoma, testando positivo você faz o isolamento necessário e preserva muitas vidas.

Claudia Queiroz é jornalista.