Vale comemorar

405

Há sim o que comemorar além da derrota de Donald Trump. Os partidários das democracias, dos valores da tolerância, do progresso social e dos direitos individuais, das sociedades abertas e do respeito às minorias, do conhecimento científico e do amor à cultura podem comemorar – nos Estados Unidos, no Brasil ou onde estiverem – a derrota de uma das grandes ameaças às suas ideias desde que se consolidaram no Ocidente.

A vitória de Joe Biden, nas eleições presidenciais dos EUA, a maior potência mundial, freia o ímpeto fascistóide que nos aflige. Biden não é um candidato perfeito e inspirador. Eu torcia por Bernie Sanders. Mas Biden e Kamala Harris representam o regresso à Casa Branca da moderação, do respeito aos princípios e às instituições democráticas, assim como a volta ao diálogo e ao multilateralismo no cenário internacional.

Seu sucesso é uma mudança de era para seu país e para o Ocidente. Espero que essa mudança se reflita aqui, neste Brasil afundado em desesperança, sob o tacão atrabiliário e desprezível em sua ignorância. Agora vamos torcer para que a inteligência retorne às oposições brasileiras e tenhamos uma expectativa real de mudanças em 2022.

Ratinho vende Copel Telecom

A companhia paranaense Copel Telecom foi arrematada por R$ 2,39 bilhões pela Bordeaux Fundo de Investimento em um leilão realizado na sede da B3, em São Paulo. Foram vendidas 100% das ações da empresa, que é líder no mercado de fibra ótica no Paraná.

Ciro vem apoiar Goura

Ciro Gomes em Curitiba para reforçar a candidatura de Goura a prefeito de Curitiba. Ciro Gomes foi o segundo colocado nas eleições de 2018 em Curitiba, com mais de 124 mil votos. Ontem, ele afirmou que Sergio Moro é fascista, malandro e corrupto.

Zero para Moro

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), diz que a chance de ele subir no palanque eleitoral de 2022 com Sergio Moro “é zero”. “Não posso apoiar uma chapa integrada por alguém de extrema direita”, afirma ele, referindo-se ao ex-ministro da Justiça de Jair Bolsonaro.

Ratinho no trecho

Ratinho Jr tinha decidido não participar diretamente das campanhas eleitorais deste ano. Dito e feito. Mas abriu exceções para apoiar candidatos do seu time mais próximo. Foi à Fazenda Rio Grande para participar de uma carreata que bateu o recorde de número de participações com mais de 3 mil veículos. Tudo para eleger Chico Santos.

Em Colombo

Se as eleições para prefeito de Colombo fossem hoje, Helder Lazarotto venceria com folga. Ele alcançou 33% das intenções de voto. O segundo colocado, Sergio Pinheiro. está 7% atrás. E Thiago de Jesus está 20% atrás de Helder. O apoio do governador Ratinho Jr, que ontem fez uma carreata na cidade ao lado de Helder Lazarotto, contribuiu para alargar ainda mais a vantagem de Helder sobre os demais.

“Velha política”

O presidente Jair Bolsonaro elogiou o senador Fernando Collor, durante cerimônia em Piranhas, interior de Alagoas, em mais um gesto de aproximação com a “velha política”. A Procuradoria Geral da República afirma que o grupo de Collor recebeu mais de R$ 29 milhões em propina entre 2010 e 2014, em razão de contratos de troca de bandeira de postos de combustíveis celebrados com a BR Distribuidora. Em setembro de 1992, quando o impeachment estava em marcha, Bolsonaro descreveu Collor como alguém sem moral para governar o país. “Luto com todas minhas forças para tirar o presidente que aí está, sem moral, para governar o país”.

Olho na cesta

Levantamento do TCU mostrou que o conjunto de subsídios à cesta básica representou o segundo maior gasto tributário do governo no ano passado, com um custo estimado em cerca de R$ 32,3 bilhões. Esse montante equivale a 10,4% do gasto tributário total e é superior aos R$ 30,3 bilhões destinados no mesmo período ao Bolsa Família.

Ajuste

Positiva para evitar uma alta de custo do trabalho e garantir milhões de empregos em um momento de grande incerteza econômica, a derrubada do veto (combinada com o Planalto) à prorrogação da desoneração exigirá que o governo reduza R$ 4,5 bilhões em outras rubricas do orçamento. Para o Ministério da Economia, esse é o custo para 2021.

É o Brasil!

Em conjunto com o Ministério da Cidadania, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) identificou 863 beneficiários do Bolsa Família que fizeram doações em dinheiro a candidatos que disputam as eleições municipais deste ano. Somados, os repasses somam cerca de R$ 370 mil e levantam “indícios de irregularidades”. O levantamento detectou também 827 empresas que prestaram serviços a campanhas eleitorais e cujo sócios ou representantes recebem o auxílio, o que também sugere fraude, de acordo com o TSE.

Não consegue

A rede de livrarias Saraiva vem tentando vender o seu domínio do site (www.saraiva.com.br) há alguns meses e buscou interessados, não conseguindo êxito em suas tentativas. A ideia é obter recursos para pagar os credores. A empresa está em recuperação judicial desde setembro de 2019. Em agosto, eram R$ 53 milhões em estoque (site e lojas físicas). A dívida da Saraiva é de R$ 675 milhões e seriam menos de um milhão de clientes ativos no site hoje – eram 1,6 milhão em 2018.

Outro nome

A Sociedade Corretora Paulista (Socopa), uma das corretoras de valores mais antigas do país, fundada em 1967, está trocando de nome. Passa a se chamar Singulare, em um movimento que marca uma nova fase da companhia, após a separação do Banco Paulista de quem era subsidiária até julho deste ano. O banco foi alvo de uma operação da Polícia Federal no ano passado.

Dois em um

Entre os generais do Planalto, corre a proposta de criação de um Conselho do Pantanal, nos mesmo moldes do Conselho da Amazônia. O próprio vice-presidente, general Hamilton Mourão acumularia o comando dos dois órgãos. De um lado, ele passaria a coordenar as ações do governo no combate às queimadas das duas regiões, com foco na participação das Forças Armadas. Hoje, mais de 600 militares atuam na linha de frente para debelar focos de incêndio nas duas áreas. De outro, unificaria as conversações com a comunidade internacional, que pressiona o governo Bolsonaro por conta de sua política ambiental.

Nova operação

A Polícia Federal já tem provas para indiciar dois dos suspeitos de desvio de recursos públicos na construção do hospital de campanha montado no Estádio Presidente Vargas, em Fortaleza. Entre as irregularidades fraudes na contratação do pessoal e superfaturamento na compra de monitores para UTIs. Por outro lado, a PGR prepara nova operação no Rio contra suspeitos de desviar recursos públicos e fraudar licitações na área de saúde do governo Witzel. As investigações se baseiam na delação premiada do ex-secretário da Saúde Edmar Santos. Um dos alvos da nova operação seria a Assembleia Legislativa.

Presente

Ex-embaixador do Brasil em Lisboa, Berlim e Santiago, Mário Vilalva sugere um primeiro ato de boa vontade ao governo brasileiro para o novo presidente dos Estados Unidos, seja quem for: a entrega de uma urna eletrônica.

0,3%

Poucos sabem mas a disputa presidencial norte-americana tinha mais um candidato além de Donald Trump e Joe Biden, que nem sequer chegou a fazer diferença. Kanye West, marido de Kim Kardashian, que anunciou sua candidatura no dia 4 de julho teve apenas 60 mil votos em todo país, ou seja 0,3% da porcentagem da votação geral. O pior é que o rapper gastou cerca de R$ 66 milhões em sua campanha “fantasma”. Há quem garanta que este foi o motivo da última briga do casal Kanye e Kim. Mais: o cantor anunciou que será candidato novamente em 2024.

Saldo comercial

O Brasil pode terminar 2020 com superávit na balança comercial acima dos US$ 48 bilhões do ano passado.  Algumas projeções indicam saldo acima de US$ 60 bilhões, contribuição considerada por analistas importante para a balança de pagamentos. A corrente do comércio, porém, medida do dinamismo comercial e de integração do país no mercado internacional deve mergulhar para o nível abaixo de US$ 400 bilhões em 2020. Com isso, o país pode perder na média dos últimos cinco anos boa parte do que ganhou de 2011 a 2015, da corrente de comércio (soma de exportações e importações).

“Pai do bioma”

A ideia de transformar o vice Hamilton Mourão numa espécie de “pai do bioma brasileiro” nasceu no bloco dos militares do governe. Eles acham que o bom senso das declarações de Mourão sobre a Amazônia é meio caminho andado para lhe passar as atribuições também do Pantanal. Bolsonaro ainda está com ele na garganta por causa da entrevista.

Fala demais

Bolsonaro, nessa fase “paz e amor”, chamou a atenção duas vezes de Onyx Lorenzoni, titular da Cidadania. Uma delas é por causa que ele fala demais sobre o Renda Brasil; outra, porque a distribuição do Bolsa Família passa por Lorenzoni, mas como todos sabem, ele manda pouco. Na reforma ministerial de janeiro, Lorenzoni está com o nome escrito na lista de Bolsonaro.

Record, não

O veterano jornalista Boris Casoy, recentemente demitido da Rede TV e que agora está se dedicando a um canal no YouTube, virando quase um Youtuber disse que não voltaria a Record, por dinheiro nenhum. “Se eu fosse convidado para voltar para a Rede TV!, a Band, ou o SBT, eu voltaria. Para a Record não voltaria por dinheiro nenhum. O comportamento da Record comigo não foi correto. Não tenho confiança. Não quis me pagar o que estava escrito no contrato”.

Frases

“É um homem que luta pelo interesse do Brasil.”

Jair Bolsonaro sobre o senador Fernando Collor.