O maior evento de fotografia do Sul do Brasil já tem data marcada. A Maratona Fotográfica de Curitiba começa no dia 1º de outubro, uma segunda-feira.

Chega a sua 5ª edição com expectativa de superar o sucesso dos anos anteriores. Será uma semana intensa, composta de palestras, workshops, bate-papos, mesa-redonda e o concurso fotográfico com o tema “O Cotidiano”.  

Promovida pela Portfolio Escola de Fotografia e aprovada pela Lei Rouanet, a V Maratona Fotográfica de Curitiba contará com a presença de um total de doze fotógrafos de renome nacional e internacional, que irão falar sobre tendências e dividir um pouco de suas experiências. Entre eles se destacam nomes como Walter Firmo, Araquém Alcântara, Klaus Mitteldorf, André Cypriano e Giancarlo Mecarelli.

 

Também são esperados cerca de 2000 participantes de todo o Brasil e outros países da América do Sul, como Chile e Argentina. O público participante é formado por profissionais, amadores e interessados em geral. Será uma boa oportunidade para se atualizar, bem como discutir o passado, presente e futuro da fotografia.

 Para se inscrever, basta entregar uma lata de leite em pó, válida para todos os encontros e o concurso. Já os workshops, com duração de dois até quatro dias, custarão entre R$ 150,00 e R$ 250,00 cada. Entre eles, o curso de fotografia de surfe na Ilha do Mel, litoral do Paraná, com Sebastian Rojas. Mais informações sobre a 5ª Maratona Fotográfica de Curitiba podem ser obtidas nos sites www.maratonafotografica.com.br e www.escolaportfolio.com.br, ou pelo telefone 41-3252-2540.

   

 Concurso fotográfico O concurso fotográfico da V Maratona Fotográfica de Curitiba, que será realizada de 1º a 7 de outubro, terá como tema “O Cotidiano”. As fotos devem ser entregues na secretaria da escola, localizada na Rua Alberto Folloni, 634, Centro Cívico, ou postadas até o dia 6 de outubro, em papel tamanho 15 x 21. O formulário de inscrição pode ser impresso através do site www.escolaportfolio.com.br.  Uma comissão julgadora avaliará as imagens e definirá os vencedores. Em seguida, as imagens participantes comporão exposição itinerante, que durante um ano circulará por toda a cidade, inclusive em locais de baixa renda da capital paranaense, como escolas públicas e Ruas da Cidadania. Desta maneira, será levada ao conhecimento da sociedade a fotografia como forma de arte, expressão e profissão. Sem falar em revelar, incentivar e divulgar novos talentos da fotografia do Paraná e do Brasil. A intenção é atingir um público de mais de 30 mil pessoas durante um ano. 

A última edição da maratona teve concurso fotográfico com o tema “Em que Mundo Você Vive”. Joel Rocha conquistou o primeiro lugar com a foto “Travessa da Lapa”. Já Carlos Felipe Faria ficou em segundo com “A Preguiça”, e Rodolfo Miro em terceiro, com “Pegadas Urbanas”.