TV POR ASSINATURA

307

As tevês por assinatura no Brasil vêm sofrendo um decréscimo de assinantes bem incisivo. A publicação especializada em TV, Tele Viva, publicou uma reportagem onde informa que o número de assinantes no país caiu para 14,918 milhões em novembro do ano passado. É o número mais baixo desde 2012. O setor atingiu seu ápice em novembro de 2014, com quase 20 milhões de assinantes. Durante 2020, cerca de um milhão de assinantes abandonaram a TV paga.

STREAMING

A fuga dos pagantes das tevês por assinatura se deve, em parte, aos serviços de streaming, como a Netflix, por exemplo. Em novembro do ano passado, aportou no Brasil o canal Disney +, com grandes campeões de bilheteria do cinema, como a franquia Star Wars ou os desenhos Disney. A maior parte dos consumidores prefere pagar R15, R$ 20 por um pacote de um streaming do que pagar R$ 150, R$ 200 pela assinatura da grade de canais pagos. Outro detalhe: cada vez mais o espectador quer escolher o que ver e na hora que quiser. Com isso, a programação fixa das emissoras vai perdendo espaço no gosto popular.

PAULISTAS

O governo de João Doria quer mostrar força e pujança para seduzir o eleitorado de todo o país a votar nele como alternativa ao extremismo de Jair Bolsonaro em 2022. Mas em meio a uma crise mundial, as fontes de recursos financeiros ficam escassas. O governador paulista tentou melhorar o caixa do estado, com aumento do ICMS para vários produtos. Veio a reação. A maior delas aconteceu nesta quinta-feira, quando produtores rurais ocuparam as ruas de quase 200 cidades do interior de São Paulo em protesto contra a medida de Doria. O governador reverteu alguns aumentos, mas o protesto aconteceu mesmo assim.

LOGÍSTICA

O frete entre Brasil-China atingiu os maiores valores da história nesta semana. Há um ano a rota custava US$ 2 mil por TEU (a medida para exportação de contêineres) e agora chegou a US$ 10 mil por TEU, cerca de cinco vezes mais do que há um ano. A escalada de preços é fruto, principalmente, dos problemas logísticos e do grande descompasso entre oferta e demanda ocorrido ao longo do último ano. Os exportadores e importadores apostam que os preços voltem a cair durante este ano.

PREÇOS

O reflexo do aumento do frete entre Brasil e China deve atingir os preços de produtos eletroeletrônicos, que dependem de material importado da China e das roupas que vêm de lá e abastecem muitas lojas de vestuário por todo o país.

SHOPPING CENTERS

Cresceu muito em todo o país a quantidade de processos de lojistas contra as empresas administradoras de shopping centers e vice-versa, por desacordo nas cobranças e pagamentos de aluguéis, após o início da pandemia, em março do ano passado. Em 2020, a judicialização das relações entre lojistas e administradoras de shopping centers cresceu 73,3% em São Paulo e 27,6% no Rio de Janeiro em relação a 2019. As grandes redes não escapam das ações. Elas entram contra os shopping centers e os gestores dos centros comerciais entram contra elas.

DESACORDO

Entre abril e maio, boa parte dos empreendimentos isentou ou reduziu as cobranças (locação, condomínio e fundo de promoção), por conta do fechamento das lojas no começo da pandemia. A Abrasce, entidade dos shoppings, fala numa isenção de R$ 5 bilhões em despesas aos lojistas na primeira metade do ano. Mas a reabertura gradual dos pontos, após maio, e o retorno das cobranças, sem que as vendas reagissem mais rapidamente (especialmente no Sudeste e no Sul) aumentou os desentendimentos e fez varejistas recorrerem à Justiça.

GÁS DE COZINHA

O ano nem bem começou e o gás de cozinha tem seu primeiro reajuste. A escalada do preço do petróleo nos mercados internacionais afeta os preços dos combustíveis e também do gás de cozinha. O primeiro reajuste de 2021 anunciado pela Petrobras é de 6%. Em 3 de dezembro, o produto já teve um reajuste de 5%.

OS PREÇOS

De acordo com a prévia do Índice Geral de Preços ao Consumidor (IPCA-15), em 2020 o preço do gás de cozinha subiu 8,30%, enquanto o gás encanado caiu 1,09% e o gás veicular recuou 1,29%. A alta do botijão é quase o dobro da inflação prevista para o período, de 4,23%. A Petrobrás fica com 46% do preço do produto, enquanto distribuição e revenda respondem por 36% e 18% se referem a impostos. Nas refinarias o aumento chegou a 21,9% no ano passado.

TRUMP BANIDO

O presidente americano Donald Trump foi banido do Instagram e do Facebook, no mínimo até o fim do mandato, mas podendo estender a suspensão por mais tempo. O anúncio do banimento foi feito pelo diretor-executivo das plataformas, Mark Zuckerberg. A justificativa foram os posts incitando a ação violenta de seus apoiadores nas redes sociais durante a quarta-feira, quando o Capitólio, em Washington, foi invadido. Empresas e políticos estudam um pedido de impeachment contra Trump, mesmo faltando apenas 12 dias para o fim de seu governo.