Trump assina ordem executiva para punir quem atacar monumentos

234

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, assinou na sexta-feira (26) uma ordem para punir criminalmente pessoas e organizações que destruírem ou vandalizarem monumentos históricos do país.

A medida de Trump foi motivada por atos ligados a uma onda de protestos contra injustiça racial que teve início em maio após George Floyd, um americano negro, ter sido morto por um policial branco enquanto estava desarmado e sob custódia. Desde então, ativistas derrubaram ou vandalizaram estátuas de figuras históricas que estiveram envolvidas com a escravidão nos Estados Unidos.

Após assinar a ordem executiva, Trump afirmou que a “esquerda radical” tem tentado reescrever a história e disse que irá proteger a lei e ordem no território americano.

De agora em diante, quem vandalizar monumentos históricos, memoriais ou estátuas poderá pegar até 10 anos de prisão. A ordem executiva de Trump também ameaça cortar verbas de estados que não conseguirem cumprir a determinação.