Suspensão do contrato de trabalho e redução da jornada  em pauta

305
Advogada Dra. Thereza Emed: “a  expectativa é de que a nova Medida Provisória seja assinada nas próximas semanas”
“Em razão do cenário atual da saúde pública no país, das medidas adotadas para conter a disseminação da Covid-19, a fim de reduzir os impactos financeiros da crise e preservar o maior número de empregos, o Ministério da Economia deve reeditar as medidas adotadas em 2020 que permitiam a suspensão temporária dos contratos de trabalho e redução da jornada e proporcional dos salários”. O comentário é da advogada Dra. Thereza Emed,  integrante do escritório RS&V que tem o Dr. João Carlos Régis como titular.
Para a advogada, “a  expectativa é de que a nova Medida Provisória seja assinada nas próximas semanas, devendo o programa durar mais 4 (quatro) meses, seguindo os mesmos modelos adotados ano passado, com a possibilidade de celebração de acordos de suspensão temporária dos contratos e redução de jornada e salários em 25%, 50% e 70%.”
 E acrescenta a Dra.  Thereza Emed : “Nesses casos a União deverá complementar parte da renda daqueles que sofrerem cortes salariais em razão dos pactos celebrados por meio do Bem (Benefício Emergencial de Manutenção do Emprego e da Renda), que deverá usar recursos do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT) – fundo que paga o seguro-desemprego.”
“O programa também deve apresentar medidas alternativas para preservação do emprego, semelhantes àquelas adotadas na MP 927, como a antecipação de férias, instituição de banco de horas e o trabalho em home office”, finaliza a Dra. Thereza Emed.
Maria Inês reconduzida  à presidência  da  Accur
Maria Inês Pierin Borges da Silveira: trabalhar sempre com parcerias, apoios dos acadêmicos e entidades
A presidente da Academia de Cultura de Curitiba (Accur)  Maria Inês Pierin Borges da Silveira,  foi reconduzida ao cargo da entidade com uma expressiva participação dos Acadêmicos que elegeram a chapa “João Darcy Ruggeri” para o triênio 2021-2024. A eleição aconteceu no  último dia 19 de março.
A Academia de Cultura de Curitiba (Accur)  foi idealizada e fundada pelo engenheiro  Ivo Arzua Pereira em agosto de 1992 e posteriormente presidida por  Desembargador Luís Renato Pedroso e Dr. João Darcy Ruggeri, com objetivo de atuar e atender aos anseios culturais da comunidade curitibana nos diversos aspectos intelectuais e artísticos.
A Accur é constituída de um quadro de acadêmicos fundadores, efetivos, beneméritos, honorários e correspondentes. É de direito dos acadêmicos, contribuir para o desenvolvimento cultural da Accur e responder com responsabilidade pelos cargos para os quais foram eleitos ou designados.
Maria Inês conta que ao receber em 2015 o convite do então Presidente João Darcy Ruggeri, “sabia que teria um grande desafio a cumprir, procurou trabalhar sempre com parcerias, apoios dos acadêmicos e entidades para fortalecer a Academia e conquistar os objetivos da Accur, enaltecendo a cultura.”
Maria Inês é escritora com livros publicados “Lapa, Tropas e Tropeiros”; “Viver com Elegância Não é Difícil – manual de etiqueta”; “Cerimonial Público e Privado”. Já participou de várias coletâneas com contos. Coordenou e proferiu  cursos de etiqueta na Fundação Getúlio Vargas –ISAE e Centro Europeu.  Participou do curso Gestão de Luxo no Institut Supérieur Du Commerce de Paris. Escreve para inúmeros blogs e revistas sobre Etiqueta Empresarial. Presidiu a Associação de Mulheres de Negócios (Business Professional Women) por duas gestões.
A frente do Instituto Histórico e Cultural da Lapa é a coordenadora do Festival de Cinema da cidade, evento já consolidado e uma referência nacional.
Na Academia de Cultura de Curitiba procurou dar maior visibilidade à Cultura realizando encontros mensais com palestras, proferidas pelos Acadêmicos ou convidados; realizou a Jornada Internacional Cultural uma parceria com a Fundação Cultural de Curitiba, com apresentações de corais, danças, exposições literárias e de artes plásticas. Sempre valorizando o trabalho dos membros da Academia.
O evento Semana da Cultura é uma parceria com o SESC e Colégios Estaduais, na programação apresentações de shows musicais e diariamente oficinas para os alunos de literatura, de cinema e artes plásticas.
Maria Inês cita ainda que “foi criada a Comenda o Pensador, símbolo da Accur, agraciando Acadêmicos fundadores e honorários. No ano de 2020, devido a pandemia foi realizado um trabalho online e lançado o livro “O Pensador – obras artísticas e literárias”. O livro narra a história da Academia e conta com a participação dos acadêmicos que atuam em vários segmentos, oportunizando o Acadêmico  registrar o seu trabalho.”
 Maria Inês recebeu inúmeros troféus, homenagens, títulos “Cidadã Honorária de Curitiba e Cidadã Benemérita da Lapa-PR” e comendas, entre elas,  a Comenda de Embaixadora da Divine Academia de Cultura Francesa – Paris.
Oi Soluções expande portfólio
Adriana Viali, Head da Oi Soluções: “reforçar  nossa atuação como integrador de soluções”
A Oi Soluções, provedora e integradora de soluções digitais para o mercado corporativo, passa a incluir em seu portfólio os serviços integrados de contact center da Tahto, nova marca da subsidiária de call center da empresa. A Oi anunciou recentemente novo posicionamento e estratégia de atuação da Tahto, que passou a atuar em todo o mercado corporativo, e não exclusivamente para a companhia.
 “Os serviços de contact center possuem uma grande sinergia com o portfólio da Oi Soluções e reforçam nossa atuação como integrador de soluções. Por sua vez, a Tahto se beneficia da nossa capilaridade em vendas e também da nossa carteira de clientes B2B para a comercialização dos seus produtos de contact center”, explica Adriana Viali, Head da Oi Soluções.
Câmara faz  homenagem pelo Dia da Mulher
A bancada feminina da Câmara Municipal Curitiba presta homenagem a 27 mulheres
A Câmara Municipal de Curitiba (CMC) celebrou, na quarta-feira (24), em uma  sessão solene remota,     o Dia Internacional da Mulher, que tem a data oficial no dia  8 de março. A convite da  bancada feminina da Casa, 27 profissionais de destaque receberam a homenagem. Indiara Barbosa (Novo), vereadora mais votada da capital em 2020, fez as considerações iniciais. Cumprimentando todas  as presentes.  Depois   passou a palavra à primeira-dama do Paraná, Luciana Saito Massa, indicada de Flávia Francischini (PSL), para ser homenageada. A primeira-dama se disse honrada pelo convite e afirmou estar feliz com o processo de renovação do parlamento curitibano – em lembrança ao crescimento da participação feminina, iniciado em 2016 e mantido nas eleições passadas, quando oito mulheres conseguiram mandato.
Já Carol Dartora (PT), a primeira negra eleita vereadora em Curitiba, discursou na sequência. Receberam homenagens: Aline Chalus Vernick Carissimi, Gabriela de Araújo, Judit Gomes da Silva e Rosa Felicíssimo Alves, indicadas por Carol Dartora. Laura Dias Dalcanale Pereira Alves, Ledinalva Pereira de Almeida, Luciana Saito Massa e Maria Aparecida Villa Nova são nomes de Flávia Francischini. Indiara Barbosa recomendou Adriana Karam Koleski, Lina Useche, Marcia Suss e Regina Maria Arns da Rocha. Elisângela Bruske Cordeiro Shiroma, Giselly Dib do Valle, Mirella Cristine de Oliveira e Rebecca Saray Marchesini Stival foram indicadas por Maria Leticia (PV).
Noemia Rocha (MDB) sugeriu os nomes de Eliana Arantes Bueno Salcedo, Maisy Mendes Venâncio, Regiani Rodrigues Ponciano e Sandra Mara Hübner Justus. Carmem Regina Ribeiro, Clara Emília da Silva e Mariléa Aparecida Cruz Iantas foram recomendações da Professora Josete (PT). E, por sugestão de Tânia Guerreiro (PSL), também foram homenageadas Ana Paula Brisola Moritz, Débora Santana Silvestre, Letícia Pam e Marília Regina Foltran Pombo.