Supercomputador japonês Fugaku é o mais rápido do mundo

322

Pela primeira vez em nove anos, um supercomputador japonês foi proclamado como o mais poderoso computador do mundo.

Fugaku, desenvolvido pelo instituto de pesquisa RIKEN e pela companhia de eletroeletrônicos Fujitsu, ganhou o primeiro lugar em um ranking de velocidade realizado duas vezes ao ano. O mais recente resultado foi anunciado na segunda-feira por uma conferência internacional de especialistas.

A supermáquina japonesa está instalada em uma instituição na cidade de Kobe, no oeste do Japão. Esta foi a primeira vez que o Fugaku entra no ranking mundial, superando outros supercomputadores em quatro das seis principais categorias, as quais incluem velocidade de computação.

Representantes do RIKEN afirmaram que o Fugaku teve a melhor e mais memorável performance do mundo nas principais categorias. Eles manifestaram sua esperança de que o supercomputador e suas tecnologias contribuam para a resolução de uma gama de problemas sociais.

A última conquista japonesa do título ocorreu em 2011 quando o supercomputador K do RIKEN — que antecedeu o Fugaku — foi proclamado o computador mais rápido do mundo.