“Resolvi não ficar de braços cruzados vendo a “onda” nos engolir”

399
Camila Salatti: “trabalho honrando o juramento que lutaria com todas as forças para o bem de sua atividade, com ética visando cumprir da melhor maneira a profissão que escolhei.”

A coluna WOMAN entrevistou a empreendedora Camila Salatti que trabalha no turismo há 20 anos, passando por diversos segmentos dentre eles hotelaria e locação de automóveis em multinacionais. Atualmente está no segmento de transporte de passageiros que é um dos tripés do segmentos de turismo, dirigindo a Sattitur, uma empresa de fretamentos de veículos, juntamente com seu esposo.
Acompanhe a entrevista exclusiva:

WOMAN – QUEM É CAMILA SALATTI?
Camila Salatti – Camila é uma mulher obstinada, que não vê barreiras ou limites para realizar seus sonhos e objetivos, é mãe, esposa, filha, irmã, neta, amiga e coloca sempre a gratidão por tudo acima de qualquer coisa. É apaixonada por sua família e por sua profissão e certamente trabalha honrando o juramento que fez, que lutaria com todas as forças para o bem de sua atividade, com ética visando cumprir da melhor maneira a profissão que escolheu. Viajar está entre suas paixões, não importa o destino, o que importa é a experiência adquirida em cada pedaço de terra que se pisa.

WOMAN – O QUE LEVOU SEU INTERESSE PELO TURISMO AGORA?
Camila Salatti – Sou formada em Turismo há 20 anos e desde que ingressei na faculdade tive a felicidade de entrar no mercado de trabalho na minha área, ou seja, trabalho no turismo há 20 anos, passei por diversos segmentos dentre eles hotelaria e locação de automóveis em multinacionais, hoje, atuo no segmento de transporte de passageiros, um dos tripés do Turismo, dirijo uma empresa de fretamentos de veículos, juntamente com meu esposo. E como amante da minha profissão, com muita dor no coração, vi o setor mergulhar num profundo mar de dificuldades. Já havíamos passado por outras crises, mas nada comparado à essa e resolvi não ficar de braços cruzados vendo a “onda” nos engolir e pensar em algo que pudesse fazer a diferença em nossa sociedade e pelo meu setor. Foi quando tive a idéia de criar um canal no You Tube (Turismo com Camila), que abordasse assuntos relacionados ao Turismo de forma profissional, coerente e que levasse conhecimento às pessoas, agregando valor em assuntos relevantes e pertinentes ao momento que estamos enfrentando.

WOMAN – SEU PROJETO DE DIVULGAR O TURISMO É DIVIDIDO POR REGIÕES, COMO CURITIBA, PARANÁ E BRASIL?
Camila Salatti – Tenho falado e ouvido também outros especialistas e órgãos regulamentadores da área que a melhor forma da sociedade “ajudar” um dos setores mais atingidos pela pandemia é valorizarmos e “redescobrirmos” o que temos ao nosso alcance e que muitas vezes, na correria do dia a dia, as pessoas não param para observar o que existe ao seu redor. É como aquela velha dita popular: “Sempre achamos que grama do vizinho é mais verde do que a nossa.”, buscando por destinos internacionais quando por aqui temos uma infinidade de lugares para serem redescobertos e explorados. Não estou dizendo com isso que não se deve viajar para o exterior, no entanto é apenas uma reflexão para que nesse momento, aproveitemos o que temos em nosso quintal, até que as pessoas possam retomar as viagens mais longas. Creio que a retomada do Turismo será gradativa explorando-se primeiro o que temos localmente, na cidade, passando pelo regional, no estado, em seguida para o Nacional e por último o Internacional, tendo em vista as novas diretrizes e regras de higiene para segurança dos viajantes que deverão ser implantadas daqui para frente.

WOMAN – O QUE SÃO OS ROTEIROS CULTURAIS E GASTRONÔMICOS?
Camila Salatti – Os roteiros culturais e gastronômicos são justamente a oportunidade oferecida aos curitibanos de contribuirem para a retomada do Turismo em nossa cidade, aproveitando a enorme influência etnica que possuímos, muitas vezes as pessoas até sabem de uma ou de outra, ou faz parte de alguma delas, no entando é uma oportunidade para que todos possam conhecer todas as influências, o alemão ter acesso à cultura japonesa, o árabe à cultura polonesa, o italiano à cultura ucraniana e vice versa, ou quem não conhece nenhuma delas que possa ter acesso e conhecer também. Fazemos uma imersãso em cada uma dessas culturas, conhecendo suas histórias, influências, costumes, hábitos e finalizamos com a gastronomia que faz parte da cultura de cada etnia.

WOMAN – COM DEGRADAÇÃO DO MEIO AMBIENTE QUE ESTÁ DIRETAMENTE LIGADA AOS SURTOS EPIDEMIOLÓGICOS, NÃO SERIA UM BOM MOMENTO PARA INVESTIR NO TURISMO ECOLÓGICO?
Camila Salatti – O Turismo Ecológico, assim como o Turismo Rural são também grandes tendências para a retomada do Turismo, temos inclusive os roteiros rurais e enoturismo, justamente trabalhando nessa temática onde certamente as pessoas buscarão contato e harmonia com a natureza, após passarem tanto tempo restritas em seus deslocamentos. Temos nos arredores uma infinidade de opções nessas categorias como: Castro, Tibagi, Prudentópolis, Ilha do Mel, Campo Magro, entre inúmeras outras, no entanto ressalto a importância das pessoas buscarem por profissionais qualificados, principalmente para realizarem a prática de esportes mais radicais, onde ter o acompanhamento de profissionais que conheçam a região assim como estejam habilitados e credenciados para a prática desses esportes é muito importante para a segurança dos turistas.

Uma empresa de mobilidade humana

Ao falar sobre a empresa,  Camila Salatti  disse que a Sattitur tem 14 anos de mercado e nasceu com o propósito de transformar o setor de transporte rodoviário de passageiros, dentre as atividades são destacadas  o setor de logística de transporte em eventos, viagens corporativas, viagens de lazer, turismo religioso, transporte de colaboradores além de criar  roteiros rodoviários exclusivos e personalizados para os clientes.

Segundo ela a “a Sattitur se diferencia em seu mercado de atuação por sempre ir além e entregar à seus clientes mais do que eles buscam, temos um atendimento altamente diferenciado e exclusivo, estamos preocupados com detalhes e principalmente com a segurança dos nossos clientes e pensamos sempre à frente, adotando medidas que visam o conforto e bem estar de todos, por esse motivo chamo de empresa de mobilidade humana”.

E enfatiza Camila Salatti : “Mobilidade humana é além de simplesmente transportar passageiros, é dar aos clientes o máximo em serviços de transportes, é se preocupar com detalhes, com uma boa gestão, com o conforto, bem estar e principalmente a segurança do ser humano, pois transportamos vidas,  é o conceito onde o ser humano está no centro de todo movimento que contempla o ir e vir.”

Mais adiante a empresária  destaca que “dentre as medidas para a retomada das nossas atividades estão: remoção das cortinas dos veículos, remoção do kit conforto à bordo (mantas e travesseiros), substituição de água à bordo por máscaras individuais, redobramos os cuidados com a higienização dos veículos, além de disponibilizarmos o alcool em gel para todos os passageiros, visando justamente seguir as recomendações das autoridades e minimizar qualquer forma de contágio do Coronavírus.

Estamos ativos para auxiliar na retomada do setor econômico que é responsável por 8,1% do PIB nacional, ou seja, uma fatia importante do mercado que merece e deve receber todos os esforços necessários para continuar empregando milhares de trabalhadores.”

COMPARTILHAR
AnteriorImóvei$
PróximoFalecimentos 01.06.2020