Pistas serão usadas em alguns trechos para desviar o trânsito do leito central da BR


As primeiras pistas da Linha Verde, a avenida que a Prefeitura está construindo na antiga BR 116, entrarão em operação em setembro. Elas serão usadas em alguns trechos para desviar o trânsito do leito central da BR, onde começarão a ser feitas as obras de implantação das canaletas dos ônibus que vão formar o sexto corredor de transporte da cidade. A construção da avenida, iniciada em janeiro, está sendo feita sem bloqueio do trânsito na BR por onde passam, por dia, em torno de 45 mil veículos.
Motoristas que usam a BR – e que precisam redobrar a atenção no trecho em obras – já percebem a mudança de cenário na antiga e congestionada rodovia. Em vários pontos, entre os bairros Pinheirinho e Jardim Botânico, canteiros e pistas laterais da antiga BR já se transformaram em pistas novas, pavimentadas e com meio fio. Antes desta etapa foi feita a implantação de um novo sistema de drenagem acabando com riscos de cheias e água parada no asfalto, um dos problemas mais temidos pelos motoristas em dias de chuva.
Iniciadas em janeiro, as obras da Linha Verde seguem em ritmo acelerado. Cerca de 100 máquinas, 150 caminhões e 500 homens estão envolvidos no trabalho que não pára nem nos feriados e fins de semana. As obras, na Linha Verde, são feitas de domingo a domingo e o trabalho é acompanhado pelos moradores e empresários do entorno da rodovia, que são visitados por equipes das empreiteiras e recebem informações sobre as etapas da obra.