A Petrobras, através da Unidade de Negócio de Industrialização do Xisto e da Refinaria Presidente Getúlio Vargas, realiza um treinamento de situação de emergência na rodovia BR-476, km 207.

O evento acontece a partir das 9 horas, da próxima quarta-feira (5/9). O exercício mobiliza cerca de 150 técnicos da Six, Repar, Polícia Rodoviária Federal, Instituto Ambiental do Paraná (IAP), Prefeitura da Lapa, Concessionária Caminhos do Paraná, Corpo de Bombeiros, Polícia Militar da Lapa, Transportadora Via Dupla Transportes e Defesa Civil.

O cenário é o choque de um caminhão-tanque com um veículo de passeio. Cinco vítimas vão simular ferimentos e serão encaminhadas para os hospitais da Lapa. O Caminhão simula o vazamento de 15 dos 30 mil litros de óleo de xisto que o veículo estaria transportando. Para reproduzir o efeito do produto, atingindo o arroio próximo a BR-476, serão utilizados 30 quilos de pipoca. Policiais Rodoviários vão sinalizar o trecho onde ocorre o “acidente”. A concessionária Caminhos do Paraná avisa sobre o “acidente simulado”, aos motoristas que passarem pelo pedágio. A Polícia Rodoviária Estadual controla a velocidade com sinalizadores aos motoristas que passarem pelo local do simulado.

 

O treinamento tem o objetivo de testar e avaliar a capacidade de resposta a situações de emergência, de acordo com as diretrizes de Segurança, Meio Ambiente e Saúde do Sistema Petrobras. O tempo e a atuação dos participantes estão sendo monitorados e posteriormente serão analisados, para detecção dos pontos fortes e oportunidades de melhoria.

A imprensa pode acompanhar as etapas do simulado, mas só haverá entrevistas após o encerramento, ao meio-dia.