O número de norte-americanos que entraram com novos pedidos de auxílio-desemprego diminuiu na semana passada, uma vez que as condições do mercado de trabalho permaneceram apertadas, embora alguma desaceleração esteja surgindo.

Os pedidos iniciais de auxílio-desemprego caíram em 2.000, para 229.000 na semana encerrada em 18 de junho, disse o Departamento do Trabalho nesta quinta-feira. Economistas consultados pela Reuters projetavam 227.000 pedidos para a última semana.

Fonte: Reuters