"Nhoque de Batata Salsa com Barreado", criação do chef Paulo Zanatta para o restaurante Don Max, foi o prato vencedor do capítulo Paraná do Festival Brasil Sabor 2007.


"Nhoque de Batata Salsa com Barreado", criação do chef Paulo Zanatta para o restaurante Don Max, foi o prato vencedor do capítulo Paraná do Festival Brasil Sabor 2007, realizado entre 17 de abril e 20 de maio, e cujos prêmios foram entregues ontem à noite, pela Abrasel Paraná (Associação Brasileira de Bares e Restaurantes), em solenidade no Estação Convention Center. Nos 34 dias do festival, esse foi o prato mais pedido. Na segunda colocação ficou "Lombo de Bacalhau Santo Antônio", do Armazém Santo Antônio, e, em terceiro, "Iscas de Avestruz ao Molho Madagascar", do El Coqueiro. Participaram do festival cerca de 110 restaurantes de nove localidades – Curitiba, São José dos Pinhais, Morretes, Ilha do Mel, Paranaguá, Pontal do Paraná, Campo Magro, Guaratuba e Londrina.

 

Uma viagem pela boa frase
Foi revelado também ontem à noite pela Abrasel o nome da vencedora do concurso cultural que a entidade realizou no estado durante o Brasil Sabor: Paola Sebben, de Curitiba, cuja frase "Todo gosto estrangeiro tem um ‘quê’ de brasileiro", recebeu 964 votos. Paola ganhou uma viagem com acompanhante para Fernando de Noronha, com hospedagem na Pousada do Zé Maria, eleita a melhor pousada do Brasil em 2006 pela revista Viagem e Turismo.

 

Um guia dos bons endereços

A Abrasel Paraná aproveitou a noite festiva para lançar a sexta edição de seu guia, com 260 páginas e 20 mil exemplares em português e inglês. A publicação contém informações sobre estabelecimentos de alimentação fora do lar de Curitiba, Região Metropolitana, Litoral e as principais cidades do interior do Paraná, com fotos de ambientes e pratos, dicas gastronômicas, cartões disponíveis, preço médio, forma de pagamento, horário de funcionamento, mapa de localização, entre outros. O Guia Abrasel é distribuído gratuitamente, podendo ser encontrado em aeroportos, eventos, hotéis credenciados e nos postos de informações turísticas. Pode também ser acessado na versão eletrônica, no site da Abrasel-PR (www.abraselpr.com.br).

 

Carlan segue na Abrasel
O empresário José Henrique Carlan, dos restaurantes Pata de Cordeiro e Vila Sabor, reeleito, continua à frente da Abrasel Paraná, como presidente do Conselho de Administração por mais dois anos. Tem ao seu lado, na diretoria apresentada ontem à noite, os conselheiros Marcelo Woellner Pereira (Babilônia), Maurício Leite Laffitte (Madalozo, de Morretes), Luiz Odilon Merlin (Era Só o que Faltava), José Raul Fioreze (Château de Gazon), Ener Almeida Komagata (Tatibana), Gustavo Cavassin Griebeler (Mustang Sally), Bruno da Silva Draghi (Armazém Italiano), Leonardo Lorenzetti (Leonardo) e Vaneska de Andrade Berçani (Velho Oriente). No Conselho Fiscal estão: Charles Bittencourt Ribeiro, presidente (10 Pastéis), Carlos Roberto Madalosso (Madalosso), Fabrício Macedo (Bar Curytiba). Lourenço Tadeu Bandeira (Saint Germain), Luiz Carlos Cunha Krukoski (Palazzo Pizzaria) e Luís Fernando Menuci (Happy Burger). Luciano Bartolomeu continua como diretor executivo da Abrasel Paraná.

 

Culinária regional
O Wood’s Pub (rua Coronel Dulcídio, 420, Batel), dedicado à música sertaneja, anuncia para este sábado 22 o início de seus almoços diários, com cardápio regional, onde despontam os seguintes pratos principais: segunda-feira, culinária capixaba, comfit de carneiro; terça, paulista, dobradinha; quarta, paranaense, barreado; quinta, baiana, moqueca baiana; sexta, gaúcha, arroz de carreteiro; sábado, carioca, feijoada.

 

Gastronomia paulista
Um detalhado roteiro de 80 endereços gastronômicos de São Paulo, que abrangem a culinária de 51 países dos cinco continentes: assim é o recém lançado Guia Fique em São Paulo – Gastronomia, edição da Publifolha em parceria com a AF Guias de Viagem. Na publicação, de 200 páginas, os destinos gastronômicos são divididos por países ou regiões. Para cada sugestão, é sempre apresentada uma tabela com a localização do restaurante, o horário de funcionamento, a capacidade da casa, a faixa de preço, a disponibilidade de estacionamento e uma classificação que varia do regular ao excelente e traz cotações do famoso Guia Michelin. As sugestões variam de restaurantes requintados e badalados a opções mais em conta. Custa R$ 39,90.

 

Gastronomia mineira
De hoje a domingo, a cidade mineira de Araxá vive a primeira edição do Festival Internacional de Gastronomia, cujo objetivo é resgatar o seu legado cultural e gastronômico e aliar a cozinha experimental – elaborada por renomados chefs nacionais e internacionais – à comida araxaense, desenvolvida por chefs amadores e cozinheiros locais. Entre os pratos a serem servidos estão Paella Caipira, Destrincho do Porco e Velório do Boi. Será no Ouro Minas Grande Hotel e Termas Araxá, temperado com muito jazz. Para maiores informações, www.festivaldearaxa.com.br ou (34) 3661-6165.

 

Espumantes brasileiros

A Associação Brasileira de Enologia foi pródiga na concessão de medalhas de ouro e de prata no 5º Concurso do Espumante Fino Brasileiro, realizado dias 11 e 12 de setembro, em Garibaldi (RS). Das 147 amostras inscritas, incluindo a bebida elaborada pelos métodos Champenoise, Charmat e Asti, 44 mereceram ouro e 36 a prata, no entender de um júri formado por 49 degustadores. A relação dos premiados está www.enologia.org.br. Por sinal, começou ontem, em Garibaldi, a 10ª Fenachamp (Festa Nacional do Champanhe), que vai até 7 de outubro. Oportunidade para o grande publico conferir o resultado final do concurso de espumantes.