Nossos cumprimentos ao Consul Argentino no Paraná, Ministro Pedro Marotta, que ora nos deixa para voltar à Buenos Aires.

325

Após alguns anos, desenvolvendo um excelente trabalho de diplomacia em nosso Estado representando o governo argentino, nos deixa, profissionalmente, nosso parceiro e amigo o Ministro Pedro Marotta, que realizou um excelente trabalho de representação diplomática em nosso Estado, participando de nossa vida empresarial em Entidades de Classe bem como fazendo amigos ao longo de sua estada. Conhecedor de vinhos, tivemos o prazer de conversarmos muito sobre a enocultura na  Argentina, hoje o quinto maior produtor de vinhos do planeta, maior produtor de vinhos do Hemisfério Sul e está escrevendo num novo e importante capítulo na história do Novo Mundo vínico e da América do Sul; é o segundo  subcontinente em produção de vinhos logo após a Europa, além de ser o melhor “terroir” do planeta da uva Malbec em Lujan de Cuyo, San Juan e mais Maypu em Mendoza, região que por excelência são obtidos os melhores vinhos Gran reserva do país que juntas produzem 90% dos vinhos do país tudo isto a faz merecedora de ser parte das oito cidades mundiais do mundo vínico como Florença, OPorto, Bordeaux e outras. As exportações de vinhos engarrafado chegam a USD 01 bilhão de dolares e representa 5% do mercado mundial. Só seu mercado interno absorve 65% da produção sendo a bebida nacional pelo decreto da Presidente Cristina Kirchner desde novembro de 2010, e é um fator social pois emprega mais de 350 mil trabalhadores, desenvolvendo o Enoturismo no país sendo um dos principais pólos no planeta por sua excelente infra-estrutura. A Wines of Argentina, orgão regulador do vinho no país, criou o DIA DO MALBEC 17 de ABRIL em sua homenagem, numa estratégia de marketing, onde houver Embaixada ou consulados pelo planeta, comemora-se o MALBEC DAY, onde nestes momentos mágicos de congraçamento, degusta-se este líquido dos deuses e tudo isto faz juz às homenagens insígnie ao Malbec Day e a sua uva insígnie, que oriunda da França, região de Cahors e na Argentina achou seu verdadeiro lar renascendo e aqui na nossa Curitiba, num trabalho harmonioso, coordenado pelo Consul argentino Pedro Marotta, e sua equipe do Consulado e as principais vinícolas argentinas que aqui vieram e por vários anos, comemoramos a data numa noite de degustações e muitas alegrias numa homenagem justa a este vinho símbolo da Argentina. Parabéns ao Ministro Pedro Marotta pelo seu trabalho aqui realizado, nós, seus amigos, lhe desejamos contínuos sucessos em sua vida profissional e quiça nos encontremos breve na bela Buenos Aires para degustarmos “ la mejor carne del mondo,” brindando a vida com um Malbec, pois amigos não se despedem, se dizem até breve. Saúde. Veja mais em nossa coluna Vínica deste Diário Indústria Comércio e em nosso livro Vinvm Vita Est-A História Vista pelo Vinho.

O mundo curvou-se à cor púrpura do Malbec.

Osvaldo Nascimento Juniors..