Exposição vai até o fim de janeiro de 2023

Até 29 de janeiro de 2023, o Museu do Futebol, localizado no estádio do Pacaembu, em São Paulo, exibe a exposição “22 em Campo – 100 anos de futebol e modernismo no Brasil”, que estabelece um paralelo entre o movimento cultural da Semana de Arte Moderna de 1922 e o esporte preferidos dos brasileiros. Com curadoria de Guilherme Wisnik, a mostra faz parte da Agenda Tarsila, que comemora o centenário da Semana de 22 nos equipamentos culturais paulistas. A exposição pode ser visitada de terça-feira a domingo, das 9h às 18h (entrada só até às 17h); em toda terça-feira do mês, vai até às 21h. Ingressos a R$ 20 e R$ 10; gratuito às terças. Compras pela internet em https://bileto.sympla.com.br/event/67330 .

22 em Campo – 100 anos de futebol e modernismo no Brasil parte de uma brincadeira com os números: 22 é o ano em que se realizou a Semana de Arte Moderna e, agora, de seu centenário. É também o número de jogadores em campo numa partida oficial: 22 atletas que se movem ocupando o espaço delimitado pelas quatro linhas, criando narrativas emocionantes ao longo dos 90 minutos do jogo. Por isso, a mostra tem 22 módulos dedicados a 22 temas escolhidos para relacionar os anos de 1922 e 2022, o esporte e o Modernismo. Os módulos são ilustrados por fotografias e vídeos de época, áudios históricos e outros gravados por atores, interpretando texto do Modernismo que se referem ao futebol; além de criações feitas especialmente pelo designer Kiko Farkas para a identidade visual da mostra. A cenografia é de Álvaro Razuk.

No módulo dedicado à bola, por exemplo, é possível ouvir em áudio a declamação de poemas de João Cabral de Melo Neto (1920-1999) e Cassiano Ricardo (1895-1974) dedicados ao fascinante objeto esférico que é símbolo do jogo. Lado a lado, uma bola original de 1922 e a bola oficial da Copa do Catar, deste ano, materializam a evolução da tecnologia esportiva nesses cem anos.  Em outro módulo, a exposição reflete sobre as relações entre o jogador Garrincha (1933-1983) e o personagem Macunaíma, criado por Mário de Andrade, inspirado em uma entidade indígena.

A exposição também recupera como o futebol esteve presente na própria Semana de 22: na abertura do evento, o escritor Menotti Del Pichia cita o jogador Friedenreich em seu discurso. Mário de Andrade também dedica um poema à primeira grande estrela do futebol brasileiro e, enquanto Oswald de Andrade escreve alguns versos sobre futebol, a pintora Tarsila do Amaral registra numa crônica sua experiência como torcedora em um Brasil x Argentina no Parque Antártica.

O evento tem patrocínio máster da Goodyear e patrocínio das empresas EMS Farmacêutica e Movida Aluguel de Carros; são apoiadores: Evonik Brasil, Syngenta, Yamaha, todos por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura.

Portilho em agosto

Exposição vai até o fim de janeiro de 2023

A estação de esqui Portillo, no Chile, montou uma variada programação com atividades temáticas para o período de 30 de julho a 27 de agosto, que vão desde degustações gastronômicas até campeonatos esportivos e encontros para fazer amigos de diferentes partes do mundo.

O mês começa com a tradicional Semana do Vinho, de 30 de julho a 6 de agosto. O evento reúne algumas das melhores vinícolas chilenas, que compartilham conhecimentos e organizam degustações para os hóspedes. O período também é marcado por campeonatos na quadra poliesportiva do complexo e exibições de filmes.

Entre 13 e 20 de agosto, o complexo recebe a Semana dos Amigos, que incentiva os hóspedes ao relax, a curtir um bom dia de esqui e fazer novas amizades. Também é possível aproveitar a Corrida Sol de Portillo, as degustações de vinhos e um jantar especial que harmoniza receitas da região com bebidas da vinícola Almaviva.

A programação de 20 a 27 de agosto encerra o mês em alto estilo. Durante sete dias, Portillo recebe representantes de sete vinícolas diferentes, que participam de palestras e degustações. Mais informações no site www.skiportillo.com/pb, perfil de Instagram @skiportillo ou com os principais operadores e agentes de turismo do Brasil.

Embratur, roadshows na Europa

Paris é um dos destinos da caravana do turismo brasileiro – Foto: JZ

A Embratur (Agência Brasileira de Promoção Internacional do Turismo) lançou edital de chamamento público para os interessados em participar de rodadas de roadshows na Europa no mês de setembro. A ação terá duas etapas: a primeira em Portugal e na Espanha, entre 6 e 8 de setembro, em Lisboa e Madri; e a segunda no Reino Unido, na França e na Alemanha, entre 13 e 15 de setembro, em Londres, Paris e Frankfurt.

As inscrições vão até 29 de julho e serão distribuídas dez vagas para a participação em cada uma das duas etapas roadshow. Podem se inscrever órgãos ou entidades da administração pública, empresas que atuam na comercialização de produtos e destinos turísticos com registro ativo no Cadastur, Convention & Visitor Bureaus, operadores de turismo, representantes do setor hoteleiro, entidades nacionais de promoção, companhias aéreas e veículos de comunicação.

A programação dos roadshows incluem recepção, apresentação da Embratur sobre segmentos e destinos estratégicos para cada mercado, rodada de negócios com agentes e operadores dos países em questão e jantares de relacionamento. “Os roadshows são fundamentais para aproximar os operadores e os destinos brasileiros de quem opera o turismo nos mercados estrangeiros. A participação nesses eventos é uma oportunidade única para fazer negócios”, destaca o presidente da Embratur, Silvio Nascimento.

No primeiro semestre, a Embratur já realizou sete roadshows nas Américas do Sul e do Norte, passando por Montevidéu (Uruguai), Assunção (Paraguai), Buenos Aires (Argentina), Santiago (Chile), Bogotá (Colômbia), Toronto (Canadá), além de Chicago, Nova York, Miami e Los Angeles, nos Estados Unidos. Mais de 1,1 mil profissionais do setor turístico internacional participaram dos eventos, com mais de 2 mil rodadas de negócios realizadas e cerca de 17 mil contatos comerciais.