Leprevost quer jogo limpo

340

“Embora uma ala do PSD em Curitiba prefira uma aliança com o atual prefeito da capital paranaense, Rafael Greca (DEM), o deputado federal Ney Leprevost (PSD) afirma que irá manter sua candidatura nas eleições de novembro, respaldado pelo desempenho no pleito anterior – em 2016, Leprevost foi ao segundo turno com Greca, perdendo por uma diferença de 56.421 votos.

“O apoio do Beto Richa e as fake news foram os fatores preponderantes para a vitória do Greca na eleição passada. Mas, para essa eleição, nós nos preparamos. Vamos ter um jurídico muito forte e, pode ter certeza, se esta estratégia de uso da máquina ou de fake news se repetir, tem pessoas que antes do fim da eleição estarão na cadeia”, disse Leprevost, em entrevista.

Leprevost ainda reforçou o tom crítico à atual gestão, indicando como deverá ser a campanha eleitoral que se aproxima. “Eu considero um desastre a postura da atual gestão municipal durante a pandemia do coronavírus. Eu diria que o prefeito se acovardou diante da Covid-19”, disse ele. Confira os principais trechos logo abaixo:

Depende do Ney

A corrida eleitoral em Curitiba depende de uma definição. Se Ney Leprevost for candidato, o atual vice do prefeito Rafael Greca de Macedo, Eduardo Pimentel, não poderá figurar na mesma posição. Ele migrou para o partido do Ney, o PSD, que também é o partido do governador Ratinho Jr e fica impedido de compor outra chapa. Ratinho Jr certamente ficaria neutro no primeiro turno,

Quem seria vice?

Quem seria o vice de Greca se isso se confirmar? Cresceram as chances de Maria Vitória, deputada que representa o Progressistas e, mais que isso, o clã dos Barros. Seu pai, Ricardo, cresceu em poderes e influência ao assumir a liderança do governo na Câmara Federal. Pode-se dizer que hoje o presidente Jair Bolsonaro depende de sua performance para dormir sossegado e tocar o governo.

Maria Vitória na liça

Agora, se Ney sair da disputa, o que é muito improvável se acreditamos no próprio, então Pimentel será vice de Greca e Maria Vitória candidata a prefeita. A disputa ficaria mais acirrada e, segundo a tradição, desceria às cloacas.Fernando Francischini seria o principal candidato de oposição e o MDB do clã Requião receberia ofertas para fechar com Greca. É o jogo.

HC está adiantado

O Hospital de Clínicas de Curitiba está à frente de outros Estados na primeira fase de testes da vacina contra a Covid-19. Há duas semanas pesquisadores iniciaram o processo em profissionais da área da saúde de todo o Paraná. Já foram incluídas 544, das 852 pessoas que devem fazer parte desta primeira fase do estudo que será finalizada neste mês de setembro. Minas Gerais está com pouco mais de 300 voluntários ativos. Porto Alegre já passou de 200 participantes.

Trapaças do pedágio

“Temos que debater e sugerir medidas sobre o pedágio. As concessões terminam em novembro de 2021. Precisamos ouvir a sociedade e definir as estratégias para que o Paraná não fique com o prejuízo, depois de pagar por mais de duas décadas as tarifas de pedágio mais caras do Brasil”, diz o deputado Romanelli. Ele teme que o verdadeiro cartel de concessionárias se movimente para aplicar novas trapaças nos contratos do pedágio.

Auxílio de R$300

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quinta-feira (3) que o novo valor de R$ 300 proposto pelo governo para o auxílio emergencial é pouco para a população, mas muito para as contas públicas. Em visita a Eldorado (SP), cidade onde cresceu e passou a juventude, o presidente destacou que o Brasil não pode continuar se endividando e que a dívida já chega a quase R$ 1 trilhão.

Pesquisa sai hoje

Os pesquisadores ainda estão em campo colhendo a intenção de voto da população de Curitiba. Amanhã, no fim da tarde, o Instituto Paraná Pesquisa terá o resultado e então saberemos como estão os candidatos a prefeito de Curitiba, que são 18 por enquanto. Bem, a pesquisa será divulgada se não houver impugnação. Pedido à Justiça foi feita pelo Rede, que não tem candidato a prefeito, mas serve aos que tem.

Orçamento irrealista

O envio de um Orçamento com espaço zero no teto de gastos antes mesmo de qualquer previsão de recursos para o Renda Brasil, novo programa social que está nos planos do governo, despertou desconfiança entre economistas. A avaliação é que a proposta de gastos para 2021 está irrealista e que o risco de descumprimento da regra constitucional que limita o avanço das despesas à inflação é elevado.

O craque do Avahí

União da Vitória já teve seus dias de futebol em grande estilo, dizem os saudosistas. O time que mexia com a cidade era o Avahí, que tinha em suas linhas alguns nomes que eram ligados a política, como Domício Scaramella. Agora vai ter um livro para contar sua história que o competentíssimo Walter Schmidt está a escrever. Entre o ex-jogadores do Avahí, estava Hussein Bakri, um rápido driblador, dizem as testemunhas. Hoje ele é o líder do governo na Assembleia Legislativa, e é conhecido também na política como um ponteiro ágil e de grande capacidade de articulação.

Os poupados de sempre

Juízes, promotores, deputados e senadores ficaram de fora da reforma administrativa enviada pelo governo federal. Como os novos membros dos poderes Judiciário e Legislativo não serão atingidos pelas mudanças propostas, eles manterão benefícios que devem ser extintos, como férias maiores de 30 dias, licença-prêmio (direito a três meses de licença para tratar de assuntos de interesse pessoal a cada cinco anos) e adicionais por tempo de serviço.

 “Questão interna”

O procurador-geral da República, Augusto Aras, disse que a PGR não tem relação com a debandada da força tarefa da Lava Jato em São Paulo. “É uma questão interna do MP [Ministério Público] de SP”. Perguntado se a decisão dos procuradores não tinha relação com a saída de Deltan Dallagnol da coordenação da força-tarefa em Curitiba, Aras negou: “Briga interna no MP de São Paulo.”

Embraer demite

A Embraer anunciou a demissão de 2,5 mil funcionários nas fábricas no Brasil. Segundo a empresa, serão 1,6 mil desligamentos em adesões ao Plano de Demissões Voluntárias, que foi encerrado na quarta-feira (2), e mais 900 cortes por dispensa para ajuste do quadro de funcionários. A empresa alega que a medida é consequência dos impactos causados pela pandemia de Covid-19 e pelo cancelamento da parceria com a Boeing.

Dinheiro do crime

O “testamento” do doleiro Dario Messer tornou-se a origem para uma negociação bilateral mais ampla. Os governos do Brasil e Paraguai costuram um novo acordo de cooperação contra o crime organizado, com foco na partilha de bens oriundos das atividades ilegais. A iniciativa é chamada, informalmente, no Ministério da Justiça de “Lei Messer”, é uma espécie de parte 2 do convênio assinado no ano passado pelo então ministro Sérgio Moro, quando os dois países criaram equipes conjuntas de investigação para acelerar a apuração de crimes transnacionais. O território paraguaio é refúgio para traficantes, doleiros, contraventores e congêneres brasileiros, o que enseja um acordo bilateral para a partilha de recursos dos criminosos com atividades nos dois países.

Reeleição

Rodrigo Maia, presidente da Câmara, é o favorito se STF permitir reeleição na Casa, mas não significa que terá o mesmo bloco a seu favor – e é por isso que ele não está tão interessado em concorrer de novo. O  apoio será automático: há defensores de uma candidatura única de oposição ao governo. PP e Republicanos que apoiaram a última candidatura avisam que não desistirão de concorrer, mesmo que a reeleição seja autorizada.

Prioridade

Prestes a assumir a presidência do STF, o ministro Luiz Fux deve aproveitar o poder para gerenciar a pauta para priorizar caos com impacto perante a chamada “Análise Econômica do Direito”, teoria que ele costuma citar em seus votos e da qual é um forte adepto. Trata-se de uma escola segundo a qual as decisões judiciais não podem ignorar as consequências que são capazes de produzir na sociedade.

5 ou 6 anos

O Brasil só deve voltar a registrar superávit primário no fim de 2026 ou começo de 2027, considerando o retorno ao processo de ajuste fiscal em 2021 e o cumprimento do teto de gastos. O governo encaminhou ao Congresso o Projeto de Lei Orçamentária Anual (PLDO) de 2021 com manutenção dos déficits até 2023, quando os números irão se aproximar do que foi registrado no primeiro ano do mandato de Bolsonaro.

Frases

“A queda de 10% é um som distante, é o som do impacto da pandemia lá atrás e é onde o Brasil ficaria se não tivéssemos feito as medidas que fizemos.”