Forças da Rússia dão prosseguimento a ferozes investidas no leste da Ucrânia, ao passo que forças pró-russas na região estariam sofrendo um grande número de baixas.

Na quarta-feira, o Ministério da Defesa do Reino Unido afirmou que a Rússia continua seus pesados bombardeios contra a cidade de Severodonetsk para absorvê-la desde Izyum, no norte, até Popasna, no sul.

Segundo o ministério, a Rússia não tem divulgado o total de baixas militares na Ucrânia desde o dia 25 de março. Por outro lado, a pasta disse que forças pró-russas na região de Donetsk reconheceram que 2.128 soldados foram mortos e 8.897 ficaram feridos.

O Ministério da Defesa do Reino Unido observou que o índice de baixas das forças pró-Rússia é equivalente a cerca de 55% do número original de soldados. Ele destacou o “extraordinário desgaste” enfrentado pelas forças da Rússia e pró-russas na região de Donbas. A pasta argumentou ser muito provável que as forças pró-Rússia estejam equipadas com armas obsoletas.

Com NHK