FAS reforça resgate de pessoas em situação de rua a partir desta 6ª

263
Foto: Ricardo Marajó/SMCS

Com a previsão de queda das temperaturas a Fundação de Ação Social (FAS) vai reforçar, a partir das 18h desta sexta-feira (11/6), os serviços de abordagem social e de acolhimento de pessoas em situação de rua em Curitiba. Esta será a segunda ação intensificada no ano.

A medida faz parte da Ação Inverno – Curitiba que Acolhe, que teve início no último dia 15 de maio e tem o objetivo de proteger a população de rua do frio intenso. Como acontece todos os anos, o reforço é feito todas as noites em que a temperatura for igual ou menor que 9ºC.

Até a próxima terça-feira (15/6), o trabalho será intensificado das 18h às 22h para que as pessoas sejam acolhidas antes das madrugadas, quando as temperaturas mínimas deverão variar entre 6ºC e 9ºC, de acordo com o Sistema Meteorológico do Paraná (Simepar).

Equipes nas ruas – Durante a ação intensificada a FAS terá 16 equipes para percorrer a cidade em busca de pessoas em situação de rua e ofertar acolhimento nas unidades da Prefeitura, onde elas poderão fazer a higiene, se alimentar e dormir protegidas.

Nos demais horários, o trabalho segue o cronograma de rotina orientado pela Central de Encaminhamento Social, que atende as demandas de toda a cidade 24 horas por dia.

As equipes farão busca principalmente em roteiros já identificados e também atenderão às solicitações que chegam pelo 156, canal de comunicação da Prefeitura com a população.

Quem aceitar o convite dos educadores sociais para pernoitar nas unidades da FAS será levado para casas de passagem, unidades de acolhimento e repúblicas.

A população também pode ajudar a proteger a população em situação de rua. A FAS orienta que quem vir uma pessoa nesta condição entre em contato por meio da Central 156 ou pelo aplicativo Curitiba 156.