Foto: Divulgação

Em Curitiba, no dia 4 de junho, o Hospital Municipal do Idoso, no Pinheirinho, foi “abraçado” por fiéis da Comunidade Alcance. Adultos e crianças formaram uma corrente humana para homenagear os profissionais da saúde.

Foram entregues aos trabalhadores 800 kits com cartas de agradecimento escritas por membros da igreja, chocolates e um livro de mensagens bíblicas.

A cerimônia foi conduzida pelos pastores Marciano Hortencio e Anderson Cruz. A iniciativa faz parte do projeto Cartas Vivas, que já visitou outros três hospitais de Curitiba.

A secretária municipal da Saúde, Beatriz Battistela Nadas, agradeceu a homenagem. “Nós existimos para servir vocês e todo esse reconhecimento traz um acalanto ao coração, para seguirmos no que estamos destinados a fazer”, disse a secretária.

“É uma ação que nos traz muita alegria e acolhimento e que certamente se estenderá a todos os profissionais deste hospital”, afirmou Peterson Souza, diretor executivo do Hospital do Idoso.

Nem a manhã fria e com garoa impediu que Hugo Henrique Moreira comparecesse com toda a família. Na companhia da mulher e dos filhos de 9 e 3 anos ele prestou sua homenagem.

“Sabemos o quanto eles se dedicaram nesta pandemia e esta é uma forma de demonstrarmos nossa gratidão”, justificou Moreira.

O hospital é administrado pela Fundação Estatal de Atenção à Saúde (Feas) da Prefeitura de Curitiba. O diretor-geral da fundação, Sezifredo Paz, acompanhou a homenagem.

Com SMCS