A Coreia do Sul e os Estados Unidos dispararam nesta segunda-feira oito mísseis terra–terra em direção ao Mar do Japão com o objetivo de refrear a Coreia do Norte, que lançou oito mísseis no dia anterior.

As Forças Armadas da Coreia do Sul informaram que a Coreia do Norte lançou oito mísseis balísticos de quatro localidades, incluindo Sunan, nos arredores de Pyongyang, na direção leste, em um período de mais de 30 minutos.

As forças sul-coreanas afirmaram que, juntamente com as Forças Armadas dos Estados Unidos, lançaram mísseis ATACMS em mesma quantidade num intervalo de dez minutos a partir das 4h45 desta segunda-feira.

Sete mísseis teriam sido disparados pela Coreia do Sul e um míssil pelas Forças Armadas dos Estados Unidos.

As Forças Armadas da Coreia do Sul declararam que o disparo conjunto dos mísseis “demonstra a capacidade e a determinação de lançar ataques imediatos e precisos contra a origem de provocações e seu comando e forças de apoio”.

Em 25 de maio, a Coreia do Norte fez o disparo de três projéteis, incluindo o que parecia ser um míssil balístico intercontinental. Em seguida, as Forças Armadas dos Estados Unidos e da Coreia do Sul lançaram dois mísseis terra–terra.

Washington e Seul estão em alto estado de alerta diante de crescentes receios de que em breve Pyongyang venha a realizar o seu sétimo teste nuclear.

Com NHK