O Paraná alcançou um aumento de 37% em relação ao mesmo período do ano passado em inserção dos trabalhadores no com segundo grau completo

 

A inserção dos trabalhadores no Paraná com segundo grau completo no mercado formal de trabalho, durante o primeiro semestre de 2007, alcançou um aumento de 37% em relação ao mesmo período do ano passado. Índice maior que a média nacional, em que o aumento correspondente à faixa de escolaridade ficou em 36,6%.
O total de pessoas com segundo grau completo contratadas nos primeiros seis meses deste ano (205.121) corresponde a 37% do total de pessoas contratadas durante o mesmo período de 2007, que chegou ao montante de 553.237 admissões.
Os dados são de um estudo elaborado pela Coordenadoria de Estudos e Relações do Trabalho da Secretaria de Estado do Trabalho, Emprego e Promoção Social, baseado no Registros Administrativos do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados do Ministério do Trabalho e Emprego (Caged estatístico). O estudo analisa a variação no número de contratações e no salário médio dos trabalhadores, de acordo com escolaridade.