Foto: Clauber Cleber Caetano/PR

O presidente Jair Bolsonaro (PL), negou nesta quarta-feira (8), que tenha defendido “fechar a mídia brasileira”, conforme relatou o portal UOL. Chefe do executivo compartilhou a matéria do veículo intitulada como “No dia da Liberdade de Imprensa, Bolsonaro sugere fechar mídia brasileira”.

Eis a declaração de Bolsonaro em rede social:

Mentira! Foi justamente o contrário. Defendi que se fosse para prender e punir alguém por algo tão subjetivo como “Fake News”, O QUE EU SOU CONTRA E TODOS SABEM, teria que começar pela própria imprensa, que frequentemente publica mentiras e informações distorcidas, como essa.

Impressiona o esforço de parte da mídia para encontrar esse desejo de minha parte, que não existe, enquanto ignora declarações abertas do descondenado prometendo controlar a mídia e a internet. Parece que topam tudo por dinheiro, até perder a própria voz e a própria liberdade.

Mentira se combate com informação e conscientização. Se cometem algum ilícito no exercício da liberdade de expressão, como no caso dos crimes contra a honra, já existe lei para punir. Qualquer desejo para além disso é um flerte autoritário disfarçado de defesa da democracia.

Com assessoria