Bolsonaro compartilha nota do general Augusto Heleno; tensão sobe no Planalto

233

Jair Bolsonaro compartilhou em seu Facebook a nota divulgada por Augusto Heleno, ministro do Gabinete de Segurança Institucional, sobre as notícias-crimes apresentadas por PV, PDT e PSB e que foram enviadas hoje por Celso de Mello para a análise da Procuradoria-Geral da República.

Entre as medidas solicitadas pelos partidos, estão o depoimento do presidente, além de busca e apreensão dos celulares dele e de Carlos Bolsonaro, para que seja realizada uma perícia. Augusto Aras, responsável pela análise, não tem prazo para dar uma resposta aos pedidos.

Na nota, Augusto Heleno classifica os pedidos de “inconcebível e inacreditável” e escreve que o GSI “alerta as autoridades constituídas que tal atitude é uma evidente tentativa de comprometer a harmonia entre os poderes e poderá ter consequências imprevisíveis para a estabilidade nacional”.

Bolsonaro compartilhou a mensagem oficial do general. Eis o print: