Aperto monetário desacelera crescimento, mas taxa de investimento traz impulso, diz Guedes

349
Foto: arquivo – reprodução

O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou nesta sexta-feira que o processo de elevação da taxa de juros pelo Banco Central (BC) desacelera o crescimento do país, mas ponderou que a melhora observada no ritmo de investimentos aponta para dados positivos na atividade à frente.

Em apresentação no Encontro Anual da Indústria Química, Guedes afirmou ainda que o Brasil vai crescer e “sair do buraco”, mesmo que em menor velocidade durante o combate à inflação.

Segundo ele, o governo fez uma despolitização da moeda ao aprovar a autonomia formal do BC.

“De um lado, temos um fator de desaceleração, que é a atuação do Banco Central combatendo a inflação, mas, de outro lado, temos um fator de sustentação do crescimento, que é a taxa de investimento”, afirmou.

De acordo com o ministro, a proporção de investimentos em relação ao PIB (Produto Interno Bruto) atingiu pico de 19,4% e deve caminhar para 20% em 2022.

Fonte: Reuters